SINDJUSTIÇA acompanha eleição dos novos dirigentes do TJGO

diretoria sindjusticaA Diretoria do SINDJUSTIÇA acompanhou hoje à tarde (28) sessão na Corte Especial em que o Tribunal Pleno do TJGO (composto pelos 36 desembargadores que integram o órgão) elegeu os novos dirigentes do Tribunal de Justiça de Goiás para o Biênio 2019-2021. Por maioria de votos, o desembargador Walter Carlos Lemes – atual corregedor-geral da Justiça de Goiás -, foi eleito presidente, assumindo a gestão a partir de 1º de fevereiro. O Pleno elegeu ainda o desembargador Nicomedes Domingos Barros para ocupar a Vice-Presidência e o desembargador Kisleu Dias Maciel Filho para o cargo de corregedor-geral. A desembargadora Nelma Branco Ferreira Perillo, que colocou seu nome à apreciação dos magistrados para o cargo de presidente, recebeu 8 votos dos desembargadores.

A sessão foi acompanhada pela presidente Rosângela Ramos de Alencar e os vice-presidentes de Comunicação, Fabrício Duarte; Jurídico, Luzo Gonçalves dos Santos; e Administrativo e de Convênios, Kerner Carlos Gondim. “Desejamos um bom mandato ao novo presidente, vice e corregedor, na esperança de que eleitos gestores para o biênio que se aproxima, possam colocar em prática o compromisso que assumem de administrar para todos e pela Justiça”, afirmou a presidente Rosângela Alencar.

“Ao parabenizar o desembargador Walter pela sua eleição para presidir o TJGO, o SINDJUSTIÇA já se apresentou como a entidade que representa a imensa maioria dos servidores do Tribunal, estando, já a partir de agora, disposto a dialogar em busca do melhor encaminhamento dos pleitos da categoria que esperam por deliberação do órgão”, adiantou Fabrício Duarte.

eleicao novos diretores tjgo

Currículos
O desembargador Walter Carlos Lemes tem 27 anos de magistratura. Tem 71 anos e é natural da cidade de Bela Vista de Goiás (GO). Formado em Direito pela Universidade Federal de Goiás (UFG), é também especialista em Direito Agrário, Civil, Teoria Geral do Direito, Penal, Processual Penal e Constitucional. Como juiz, atuou primeiramente em sua cidade natal e também nas comarcas de outros municípios da Região da Estrada de Ferro, a exemplo de Vianópolis. Respondeu também por Caiapônia, Piranhas, Jataí, Itumbiara e Iporá. Na capital, prestou auxílio na 1ª Vara de Família e na 5ª Vara Criminal, atuou como juiz titular na 7ª Vara Criminal e na 10ª Vara Cível. Posteriormente, auxiliou na implantação do então 2º Juizado Especial de Pequenas Causas. Em 2003, pelo critério de merecimento, foi promovido ao cargo de desembargador do TJGO.

O desembargador Nicomedes Domingos Borges tomou posse no cargo  abril de 2013 ao assumir a vaga do quinto constitucional destinada à advocacia. Tem 65 anos, é natural de Itumbiara, tendo dedicado 15 anos à advocacia.

Natural do Rio de Janeiro, o desembargador Kisleu Dias Maciel Filho tem mais de 30 anos dedicados à magistratura. Passou pelas comarcas de Abadiânia, Alexânia, Anápolis, Rubiataba e Jaraguá, antes de vir para a Capital. Em Goiânia, atuou na 7ª Vara Criminal e na 10ª Vara Cível. Em 2004, chegou ao Tribunal de Justiça de Goiás pelo critério de merecimento.

Fonte: Assessoria de Comunicação do SINDJUSTIÇA | Ampli Comunicação (com informações da Assessoria de Imprensa da Corregedoria-Geral da Justiça de Goiás)

Vire seu tablet para a

posição horizontal